Fundo Imobiliário HGRE11 – CSHG Real State

hgre11

Fundo Imobiliário HGRE11 – CSHG Real State

O Credit Suisse possui uma estrutura de gerenciamento de riscos adequada ao seu porte e à complexidade de suas operações, o que permite o acompanhamento, monitoramento e controle dos riscos aos quais está exposto. Além disso, os comitês de risco da companhia se reúnem periodicamente para acompanhar, discutir e avaliar os riscos tomados pela instituição. Os testes e a avaliação da estrutura são realizados pelo menos uma vez por ano. A área de investimentos imobiliários da Credit Suisse Hedging-Griffo iniciou suas operações em 2003, com o objetivo de prover aos clientes alternativas de investimentos no mercado imobiliário por meio de estruturas e instrumentos sofisticados do mercado de capitais. Atualmente, a CSHG possui produtos imobiliários voltados para os segmentos comercial (escritórios e imóveis corporativos), varejo (shopping centers), logístico e industrial e recebíveis imobiliários.

Risco

– Risco: O Fundo Imobiliário investe, normalmente, em grandes empreendimentos, o que leva à diversificação de inquilinos e minimiza o risco de perda total de rentabilidade.

– Gestão: O investidor não precisa se preocupar com a depreciação. A gestão ativa permite que o administrador venda empreendimentos que considera menos valorizados.

Investir em imóveis através de Fundos Imobiliários pode ser muito vantajoso e seguro no longo prazo, e é inegável que o mercado imobiliário passou por um momento muito delicado nos últimos anos. No final de 2012, tínhamos um cenário de taxas de juros baixos, crédito abundante, vacância baixa e aluguéis em alta. Os preços dos imóveis eram muito altos e, por consequência, vimos uma forte valorização dos Fundos Imobiliários.

Posteriormente, com a perspectiva de piora na economia, o crédito em queda, a vacância aumentando e os preços dos imóveis caindo, os Fundos Imobiliários sofreram duras quedas.

Quer receber as melhores análises e recomendações para a montagem da sua carteira de Fundos Imobiliários?

Esse conteúdo é um resumo do Informativo Semanal de Fundos Imobiliários. O relatório completo é publicado, semanalmente, no nosso plano TOP FUNDOS DE INVESTIMENTOS.

Sobre o TOP Fundos

Receba as melhores análises e recomendações de Fundos de Investimentos, através do produto mais completo do mercado. Conheça os melhores gestores do Brasil e do Mundo, e saiba como investir nos mais rentáveis Fundos de Renda Fixa, Fundos de Previdência, Fundos Internacionais, Fundos Multimercados, Fundos de Ações e Fundos Imobiliários. Para saber mais, clique aqui. 

Analistas Responsáveis

Danillo Sinigaglia Xavier Fratta, CNPI-T EM-1795

Daniel Karpouzas Barcellos, CNPI EM-1855

Quer ficar por dentro das novidades do mercado financeiro? Conheça o nosso Canal no Youtube e inscreva-se.

Fontes das Informações: Valor. InfoMoney. Quantum. Estadão. Broadcast. Folha. Exame. B3. MoneyTimes.

Importante: leia nosso Disclosure antes de investir.

Capitalizo consultoria, análises e recomendações de investimentos.

Ranking de Fundos Imobiliários

Ranking de Fundos Imobiliários

Realizamos um estudo com o rendimento dos fundos imobiliários presentes no IFIX. Os fundos estão ordenados de forma decrescente de acordo com o rendimento apresentado, com fechamento em 31 de outubro de 2019.

Adicionamos também o índice de fundos imobiliários (IFIX) para permitir a comparação dos produtos com a carteira teórica da B3. Importante ressaltar que desempenho passado não é garantia de ganhos futuros.

Lista dos 5 Fundos Imobiliários mais Rentáveis – Outubro/19:

Fonte: Quantum Axis

Conheça os 5 mais rentáveis de Outubro/19

1- Continental Square (FLMA11)

  • Segmento: Lajes/Hotel
  • Início: 11/2000
  • Patrimônio líquido: R$ 200 milhões
  • Valor patrimonial da cota: R$ 2,89 / cota
  • Carteira Física: Edifício Continental Square Faria Lima
  • Rendimento (Out/2019): R$ 0,016 / cota
  • Dividend Yield (12 m): 3,16%

Comentários: sem acontecimentos relevantes em outubro.

2- TRX Ed. Corp. (XTED11)

  • Segmento: Lajes Corporativas
  • Início: 01/2012
  • Patrimônio líquido: R$ 25,9 milhões
  • Valor patrimonial da cota: R$ 14,42
  • Carteira Física: Atlântico Office – Macaé-RJ
  • Rendimento (Out/2019): R$ 0,00 / cota
  • Dividend Yield (12 m): 0,00%

Comentários:

O fundo divulgou no relatório do mês de setembro que existem negociações avançadas com uma empresa do setor de educação para alugar o Atlântico Office. O relatório de outubro ainda não foi divulgado.

3- General Shopping (GSFI11)

  • Segmento: Shopping Centers
  • Início: 06/2010
  • Patrimônio líquido: R$ 630 milhões
  • Valor patrimonial da cota: R$ 9,20 / cota
  • Carteira: Vanti Administradora e Incorporadora
  • Rendimento (Out/2019): R$ 0,00 / cota
  • Dividend Yield (12 m): 0,00%

Comentários: sem acontecimentos relevantes em outubro. O Fundo está no mercado desde o mês de maio/19.

4- CSHG Prime (HGPO11)

  • Segmento: Lajes Corporativas
  • Início: 10/2010
  • Patrimônio líquido: R$ 247 milhões
  • Valor patrimonial da cota: R$ 149,95 / cota
  • Carteira Física: Ed. Metropolitan e Ed. Platinum – São Paulo
  • Rendimento (Out/2019): R$ 0,87 / cota
  • Dividend Yield (12 m): 4,83%

Comentários:

O fundo está com a vacância baixa, em torno de 2%.

5- Anhanguera (FAED11)

  • Segmento: Educacional
  • Início: 12/2009
  • Patrimônio líquido: R$ 121,5 milhões
  • Valor patrimonial da cota: R$ 189,20 / cota
  • Carteira Física: Taboão da Serra, Leme e Valinhos/SP
  • Rendimento (Out/2019): R$ 1,54 / cota
  • Dividend Yield (12 m): 6,62%

Comentários: sem acontecimentos relevantes em setembro.

Vídeo – Ranking de Fundos Imobiliários Outubro/19

Conheça o Top Fundos e receba as melhores recomendações e acompanhamento do mercado de Fundos Imobiliários

O plano ideal para você que busca as melhores recomendações e acompanhamento do mercado de Fundos Imobiliários. Adquirindo, você recebe acesso aos Fundos Imobiliários cuidadosamente analisados e recomendados pela equipe de analistas da Capitalizo.

O investimento em Fundos Imobiliários é uma das formas mais inteligentes de se investir em imóveis. Além dos rendimentos mensais serem isentos de Imposto de Renda, é possível que você invista nos principais empreendimentos (logísticos, corporativos, shoppings, entre outros) e títulos de renda fixa, atrelados ao mercado imobiliário, do Brasil.

___

Analistas Responsáveis

Danillo Sinigaglia Xavier Fratta, CNPI-T EM-1795

Daniel Karpouzas Barcellos, CNPI EM-1855

___

Fonte: Valor, InfoMoney, Quantum, Estadão, Broadcast, Folha, Exame. B3, MoneyTimes.

Importante: leia nosso Disclosure antes de investir.

Capitalizo análises e recomendações de investimentos.

Quer ficar por dentro das novidades do mercado financeiro? Conheça o nosso Canal no Youtube e inscreva-se.

Small Caps: Ranking

small caps

Small Caps são ações de baixa capitalização (valor de mercado). Além de ter um baixo valor de mercado, normalmente uma Small Cap possui um forte potencial de valorização/crescimento. Podemos afirmar isso porque uma companhia menor pode ter a possibilidade de ter um crescimento mais acelerado, quando comparada a uma empresa maior.

Em função disso, é fundamental, para o investidor de longo prazo, diversificar sua carteira de ações com boas Small Caps.

O Ranking

Realizamos um estudo com o retorno acumulado das principais Small Caps que acompanhamos ou recomendamos. Na lista, seguem as ações com maiores altas em 2019, com fechamento em 08/11/2019,

Destaque do mês: JSL (JSLG3)

Esse mês destacamos, dentre as ações do Ranking, o Grupo JSL, um dos maiores operadores logísticos do Brasil. Sendo que, em transporte rodoviário, é o maior.

Nos últimos anos, a empresa conseguiu crescer bem em um ambiente econômico ruim. Não a toa, tivemos essa valorização expressiva de mais de 200%, somente esse ano.

Além do negócio de logística, vale a pena destacarmos os outros negócio da empresa:

Vamos – maior do país, engloba as atividades de locação e comercialização de caminhões, máquinas e equipamentos pesados.

A empresa tentou fazer IPO em abril, mas acabou cancelado. Acreditamos que essa oferta deva ser retomada em breve, o que pode gerar um novo gatilho para mais altas das ações.

CS Brasil – atua na prestação de serviços para o setor público, terceirização de frotas de caminhões, veículos e alugueis de equipamentos.

Movida – comprada em 2013, atua no aluguel de carros (segunda maior no setor de locação para pessoa física), de gestão e terceirização de frotas de veículos leves, além da venda nas lojas de seminovos.

Além disso, destacamos a BBC Leasing, o braço financeiro, que atua fornecendo financiamento e a rede de Concessionária Original.

Por que investir na JSL?

A JSL está no grupo de empresas que se beneficia com o cenário atual de juros baixos. Como seus negócios dependem de muito capital, a medida que os juros caem, seu custo financeiro cai junto. Esse movimento permite que a empresa se alavanque mais e cresça num ritmo mais acelerado.

Vale destacar também a diversificação de receitas com diferentes negócios, como vimos acima. Além disso, a JSL deve ”surfar” um movimento que acontece em todo o mundo, no qual empresas e pessoas deixam de comprar para alugar. Apenas como exemplo, enquanto em alguns países como Espanha, Inglaterra e Holanda, o percentual da frota alugada sobre a frota das empresas é acima de 30%, aqui no Brasil, esse número não passa de 9%.

Por fim, além da possibilidade de crescimento do PIB, temos visto diversas iniciativas públicas e privadas para a retomada de negócios em todos os modais logísticos do país.

Resultados da empresa 

A JSL apresentou bons resultados no 3T19. A receita líquida atingiu R$ 1,8 bilhão, recorde histórico. Vale lembrar que a base de comparação era alta, já que no 3T18 a empresa movimentou mais cargas em função da greve dos caminhoneiros.

O lucro líquido bateu R$ 66,1 milhões no 3T19, uma alta de 22% em relação ao mesmo período de 2018. A alavancagem também segue controlada e caiu para 3,6 x (dívida líquida/Ebtida).

Nosso posicionamento 

Atualmente, temos apenas uma recomendação de médio prazo nas ações JSLG3. Para o longo prazo é um ativo que acompanhamos, mas dentre as Small Caps, entendemos que existam alternativas melhores. Você quer saber quais são? Adquira o nosso produto Invista em Ações.

Quer receber as melhores recomendações de ações para montar sua carteira de longo prazo?

Conheça o Invista em Ações. O guia que vai te ajudar a construir e diversificar seu patrimônio. Receba análises e recomendações para a montagem da sua carteira de ações e conheça os ativos que podem trazer altos retornos em longo prazo. Acompanhe a nossa recomendação de diferentes Carteiras e invista com o suporte e acompanhamento da melhor equipe de analistas do mercado.

Acesse agora nossas recomendações de diferentes Carteiras 

Carteira Dividendos

Carteira Crescimento

Carteira Top Recomendadas

Small Caps

Quer receber análises e recomendações de curto e médio prazos na Bolsa de Valores?

Conheça o Full Trader, o produto mais completo do mercado. Entregando análises e operações na Bolsa de Valores, você terá recomendações que utilizam estratégias sólidas, minimizando riscos e maximizando seus ganhos. Com ele, você tem acesso ao pregão ao vivo e também recebe o histórico das operações e relatórios, material educativo, biblioteca de estratégias e acesso à equipe de análise.

Se você quer ter acesso a todos os produtos Capitalizo, conheça o Capitalizo Completo. Pensado para quem quer ter uma Carteira diversificada de investimentos economizando 48% em relação a contratação individual. Aproveite e seja um investidor completo.

Acesse agora as mais diferentes recomendações

Day Trade

Swing Trade e Position Trade em Ações

Rastreador de Tendências (estratégia exclusiva)

Índice Futuro e Dólar

Opções

Long&Short

Termo e Aluguel de Ações, Boi Gordo e Milho Futuro

Importante: O Produto Invista em Ações está incluso no Full Trader.

___

Analistas Responsáveis

Danillo Sinigaglia Xavier Fratta, CNPI-T EM-1795

Daniel Karpouzas Barcellos, CNPI EM-1855

___

Fonte: Valor, InfoMoney, Quantum, Estadão, Broadcast, Folha, Exame, B3, MoneyTimes.

Importante: leia nosso Disclosure antes de investir.

Capitalizo análises e recomendações de investimentos.

Quer ficar por dentro das novidades do mercado financeiro? Conheça o nosso Canal no Youtube e inscreva-se.

Day Trade – Contrato de Índice Futuro

Contrato de Índice Futuro

O que é e como funciona o Contrato de Índice Futuro

O Índice Bovespa (Ibovespa) é o índice de ações mais importante do Brasil. Ele é resultado de uma carteira teórica de ações e units negociadas na B3, cuja quantidade pode variar de acordo com as regras de composição.

O Ibovespa tem como critério o retorno total das ações, refletindo assim as variações de um determinado número de ativos que compõem a carteira.

Já o Contrato Futuro de Ibovespa possibilita a negociação das expectativas futuras do mercado de ações (Ibovespa) sem a necessidade de realizar a compra de toda a cesta de ações que compõe o índice. Abaixo, vamos usar o exemplo do minicontrato, que pode ser negociado de 1 em 1.

Minicontrato Ibovespa

Código de negociação: WIN

Vencimento: quarta-feira mais próxima do 15° dia do mês de vencimento do contrato – o mini-índice Bovespa vence de 2 em 2 meses.

Meses de vencimento: Fevereiro (G), Abril (J), Junho (M), Agosto (Q), Outubro (V) e Dezembro (Z).

Formação do código e vencimento: WINV19, em que:

WIN= código

Z =  mês de vencimento

19 = ano de vencimento

Abaixo segue o book do mini-índice:

Liquidez do contrato: pelo menos 1 contrato

Cálculo do Volume Financeiro

O volume de cada contrato é calculado multiplicando-se a última cotação por R$ 0,20, ou seja, cada variação de 1 ponto equivale a R$ 0,20. Portanto, no exemplo acima, o contrato cotado a 110.140 pontos vale R$ 22.028,00.

Day Trade no Índice Futuro

O Minicontrato é muito utilizado para operações de curto prazo, especialmente o Day Trade. Isso porque podemos operar os contratos sem ter todo o valor do mesmo. Em algumas corretoras, esse valor pode ser R$ 50, R$ 20 ou até menos. Ou seja, com R$ 50 poderíamos operar um contato que vale mais de R$ 22.000!

Vale relembrar que não recomendamos essa alavancagem para quem está começando. Por isso, se você ainda não entende bem como funciona, vá com calma.

Por outro lado, quando utilizamos a alavancagem da forma correta, ela pode ser nossa aliada, impulsionando nossos ganhos e não comprometendo todo o nosso capital quando uma operação não dá certo.

Por exemplo, vamos imaginar uma pessoa que tenha separado R$ 1.000 por contrato para operar no Day Trade. Vamos supor que ela tenha feito uma compra a 110.140 e, após alguns minutos, vendido a 110.640, com ganho de 500 pontos por contrato. Esse ganho equivaleria a R$ 100 por contrato. Esse ganho pode parecer ”pouco” quando comparamos com o valor cheio do mesmo (2.0,28). Entretanto, quando comparamos o ganho de R$ 100 aos R$ 1.000 que foram disponibilizados, o ganho percentual é de 10% – que pode ter sido alcançado em questão de minutos.

Além disso, podemos fazer várias dessas operações durante o dia.

Como operar Índice Futuro com a Capitalizo

No nosso produto Full Trader, além das recomendações de Day Trade em Dólar e Ações, também temos as operações de Índice Futuro. Através do nosso pregão ao vivo, nosso cliente conta com as recomendações dos analistas que, durante todo o pregão, passam os melhores pontos de compra e venda de minicontratos.

Resultados

Nos últimos 24 meses, o ganho total das nossas recomendações Índice Futuro é de 63.410 pontos por contrato. No total, 59,34% das operações terminaram com ganho. Além disso, vale ressaltar que, dos 24 meses observados, terminamos com lucro em 22.

E você, quer operar Day Trade seguindo as nossas recomendações? Conte com a Capitalizo!

Conheça o Full Trader e as melhores recomendações de curto, médio e longo prazos na Bolsa de Valores

Full Trader é o produto mais completo do mercado para suas operações na Bolsa de Valores. Adquirindo, você recebe:

  • Recomendações de compra e venda de ativos acompanhadas pelo nosso time de analistas via app, WhatsApp e Painel do Trader;
  • Acesso ao nosso pregão ao vivo;
  • Contato direto com nossa equipe via WhatsApp;
  • Recomendações e análises em tempo real de operações Day Trade, Swing Trade e Position Trade em Ações, Rastreador de Tendências (Estratégia Exclusiva), Índice Futuro e Dólar, Opções, Long&Short, Termo e Aluguel de Ações, Boi Gordo e Milho Futuro;
  • Acesso ao produto Invista em Ações.

Analistas Responsáveis

Danillo Sinigaglia Xavier Fratta, CNPI-T EM-1795

Daniel Karpouzas Barcellos, CNPI EM-1855

Importante: leia nosso Disclosure antes de investir.

 

Quer ficar por dentro das novidades do mercado financeiro? Conheça o nosso Canal no Youtube e inscreva-se.

Capitalizo análises e recomendações de investimentos.

Receba nossos relatórios Grátis