Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O mercado futuro oferece diversas possibilidades de operações. É possível realizar operações de proteção e também especulação. As duas opções estão disponíveis para o contrato de Dólar, por exemplo. Então, especuladores, investidores e até mesmo empreendedores podem se beneficiar desta alternativa.

Então, se você deseja especular ou fazer hedge na bolsa de valores, vale a pena saber mais sobre o assunto. Neste artigo, você descobrirá o que são os contratos futuros de Dólar e saberá como acontece o seu funcionamento e quais são os requisitos para operá-lo.

Continue a leitura e confira as informações das quais precisa para dar os primeiros passos nesse mercado!

O que é o mercado futuro?

A negociação no mercado financeiro pode ocorrer de três formas diferentes. De um lado, há o mercado à vista e o mercado a termo — com operações que envolvem, por exemplo, ações. De outro lado, há o mercado futuro, onde é possível operar com derivativos.

Os derivativos são chamados assim porque, na prática, derivam de outros investimentos. Então, o que é negociado no mercado futuro não é um ativo em si, mas contratos que são lastreados em determinado ativo objeto (que pode ser uma ação, uma moeda, uma commodity etc.).

Os contratos do mercado futuro têm uma data para liquidação futura. Inicialmente, este mercado foi constituído para proteger os preços das mercadorias físicas — por exemplo, da produção rural. Mas, atualmente, a maioria dos contratos não envolve mais a entrega do ativo físico.

Assim, os resultados das negociações são geralmente financeiros, fruto da diferença de preços ao longo do tempo até a data de vencimento. Por isso, os contratos também passaram a ser bastante utilizados por especuladores – e não mais apenas para hedge.

O que é um contrato de Dólar futuro?

Depois de entender como funciona o mercado futuro, ficará mais fácil compreender o conceito de contrato de Dólar. A moeda norte-americana é um dos ativos que podem ser atrelados a contratos futuros.

Os contratos futuros de Dólar são instrumentos financeiros que têm o objetivo de estabelecer determinadas condições contratuais entre duas partes, envolvendo uma data determinada. Logo, duas pessoas se comprometem com um dado preço do Dólar para o futuro.

Os contratos negociados se apresentam de duas maneiras: podem ser cheios ou minicontratos. Como o nome indica, a diferença reside no tamanho de cada um deles. Um contrato cheio de Dólar, por exemplo, tem o valor de R$ 50 mil. 

No entanto, não é possível negociar apenas um contrato. Cada negociação nessa modalidade é feita com, no mínimo, cinco unidades — totalizando R$ 250 mil. Desse modo, ele pode se tornar pouco acessível a muitos investidores.

Por isso, foram criados os contratos de mini Dólar. Eles podem ser negociados individualmente e representam 20% do contrato cheio — ou seja, por volta de R$ 10 mil. O código de negociação do mini contrato na bolsa é o WDO, enquanto o código do contrato cheio é o DOL.

Como funciona o contrato futuro de Dólar?

Agora, você sabe o que é o contrato de Dólar e quais são os tipos disponíveis no mercado futuro. Então confira a seguir alguns detalhes importantes para entender o funcionamento destes contratos e como podem ser negociados:

Ajuste diário

Como você viu no início deste post, os resultados dos contratos futuros costumam se dar na diferença entre preços. Eles são realizados por meio de um ajuste diário. Assim, o ganho ou a perda é creditado ou debitado diariamente na conta do investidor ou especulador.

A bolsa faz o cálculo em relação ao preço de fechamento do mercado e ao preço estipulado no contrato futuro. Então, o saldo da operação é conhecido no fim do prazo — quando você pode avaliar a soma de todos os ajustes diários realizados na sua conta.

Alavancagem

Uma das possibilidades dos contratos futuros é a alavancagem. Ela consiste na chance de operar com um valor maior do que você tem em caixa. As regras para contar com tal facilidade dependem de cada instituição financeira utilizada para acessar a renda variável.

Algumas podem, por exemplo, oferecer alavancagem de duas, cinco ou mais vezes em relação ao patrimônio oferecido. Assim, as oportunidades de ganho nas operações são alavancadas e podem ser bem maiores contudo, os riscos também aumentam.

Margem de garantia

Como você viu, não é necessário ter todo o valor correspondente à operação para negociar um lote de contrato futuro de Dólar. Mas, para utilizar a alavancagem, é necessário apresentar uma margem de garantia. 

O valor depende das regras da instituição financeira. Geralmente, há diferenças em relação a negociações de day trade (quando a compra e a venda ocorrem no mesmo dia) e de swing trade (quando as operações se dão em dias diferentes).

Como investir em Dólar futuro?

Ao acompanhar os detalhes sobre o Dólar futuro, você teve interesse em operar com os contratos desse tipo? Existem, basicamente, dois objetivos principais ao operá-los, como falamos. 

Proteção

Um deles é o de proteção (ou hedge). Ou seja, consiste em fazer operações relacionadas ao preço do Dólar para se proteger de oscilações.

O hedge costuma ser utilizado por pessoas físicas ou jurídicas que tenham obrigações na moeda norte-americana. Por exemplo, quem planeja uma viagem ou faz importações. O mercado futuro pode ser uma forma de reduzir as perdas com a desvalorização do Real em relação ao Dólar.

Especulação

Além da proteção, os contratos de Dólar futuro também são usados por especuladores financeiros. Nesse caso, o objetivo é auferir lucro no curto prazo. Algumas vantagens do mercado futuro para a especulação podem ser a liquidez e possibilidade de operar alavancado.

Caso você queira realizar operações, é preciso ter uma conta em uma instituição financeira e acessar o home broker ou outra plataforma de negociação da renda variável. Utilize o ticker dos contratos futuros para identificar os derivativos que lhe interessam.

Operar contrato de Dólar pode ser bastante interessante, a depender de seus objetivos e perfil de investidor. Mas, por serem encontrados na renda variável, é muito importante que você conheça os riscos dos derivativos e saiba o que esperar de suas operações.

Neste artigo você acompanhou as principais informações que precisa conhecer acerca do contrato de Dólar futuro. Então não deixe de considerar o que viu neste conteúdo para tomar suas decisões. E, claro, continue buscando informações relevantes para suas atividades de proteção ou especulação na bolsa!

Agora, se quiser receber recomendações de Day Trade para Contrato de Dólar, conheça o Full Trader. Nosso produto é ideal para quem deseja investir na bolsa de valores. Com ele, você tem acesso à sala de pregão ao vivo com nossos analistas e indicações de compra e venda em tempo real

Além disso, você ainda recebe relatórios, análises e recomendações para operações de Swing Trade, Position Trade, Long&Short, Rastreador de Tendências (estratégia exclusiva), Carteiras de longo prazo e muito mais. Acesse agora e veja todos os nossos resultados!

Tem alguma dúvida sobre o produto? Então entre em contato conosco e fale com a gente!
___

Analistas Responsáveis

Danillo Sinigaglia Xavier Fratta, CNPI-T EM-1795

Daniel Karpouzas Barcellos, CNPI EM-1855

___

Importante: leia nosso Disclosure antes de investir.

Quer ficar por dentro das novidades do mercado financeiro? Conheça o nosso Canal no Youtube e inscreva-se.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Atendimento

E-mail

contato@capitalizo.com.br

Telefone

4003-9127 (para todo Brasil)
em dias úteis, das 9h às 19h

Redes Sociais

Pagamento

Segurança

Capitalizo Análises e Recomendações – CNPJ: 27.253.377/0001-09 
© 2019 – Todos os Direitos Reservados.

Desenvolvido por: Vezy

Receba nossos relatórios Grátis