Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

IPO - Vale a pena?

Na semana que vem encerram-se as reservas para duas ofertas públicas: C&A e Banco BMG - caso queria saber nossa recomendação para as mesmas, clique aqui. Além disso, até o final de 2020 deveremos ter pelo menos mais 15 a 20 dessas ofertas. Hoje vamos entender se, de forma geral, vale a pena ou não participar de um IPO.

Antes, saiba o que é notícia no mercado no dia de hoje:

Política e economia

Ontem tivemos a divulgação dos dados de criação de empregos com carteiras assinada que, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), bateu 157.213 postos criados em setembro.  O número, que foi puxado por serviço e indústria, é o melhor desde 2013.

Aqui no Brasil, o Ibovespa caiu 0,27% a 104.728 pontos.  Já o dólar, teve baixa de 1,16% a R$4,12.

Destaques de baixa: TESA3 (-3,11%), TCSA3 (-2,44%), GOAU4 (-2,38%), BRAP4 (-2,01%), CMIG4 (-1,94%).

Destaques de alta: AMAR3 (+5,26%), ELET3 (+5,03%), ENEV3 (+4,8%), SULA11 (+3,63%), TGMA3 (+3,37%).

Destaques corporativos

Produção de petróleo da Petrobras (PETR3/PETR4)

Tivemos a divulgação da produção média de petróleo e líquido de gás natural da Petrobras no último trimestre, que cresceu 16,9% no Brasil, em relação ao mesmo período do ano passado. Contando com os números do exterior, o aumento total foi e 14,6%.

Os números são muito fortes e mostram o desenvolvimento da extração em novas plataformas, especialmente no pré-sal.

Oferta do Banco do Brasil (BBAS3)

As ações da oferta ficaram precificadas a R$ 44,05 por papel. No total, a operação movimentou R$ 5,8 bilhões. Ações BBAS3 fecharam o dia cotadas a R$46,06, com alta de 2,56%.

Movimento importante para o BB, que opera com múltiplos bem descontados em relação aos seus principais pares (Itaú, Santander e Bradesco). .

Unidas (LCAM3) aprova desdobramento 

A Unidas (LCAM3) informou que aprovou o desdobramento de uma ação para três. As ações já operam desdobradas no pregão de hoje.

IPO - Vale a pena?

É indiscutível a importância de um Mercado de Capitais forte para a economia. Quanto mais empresas vierem para Bolsa, em busca de financiamento para seu crescimento, melhor. É bom para as empresas e para o Brasil. Dito isso, voltemos a pensar com a cabeça de investidores, já que nem tudo que é bom para a economia é, necessariamente, rentável ou bom para quem é investidor.

Já tivemos casos e oportunidades fantásticas como nos IPOs da Natura (NATU3) e Localiza (RENT3). Mas nem sempre é assim. Ou, raramente é assim.

Basicamente, são dois os motivos que, no nosso entendimento, deixam as Ofertas Públicas de Ações ou IPOs pouco atrativos:

Preço

Vamos imaginar que somos donos de uma empresa e que decidimos fazer um IPO da nossa companhia na Bolsa. Essa oferta precisa ter um preço. Nós, como donos da empresa, que conhecemos bem o negócio e temos uma relação muitas vezes ''afetiva'' com ele, estaremos, na maioria das vezes, tentados a colocar um preço acima do que o negócio realmente vale. Por esse motivo, boa parte das empresas que chegam na Bolsa, já estão ''caras''.

Histórico

O segundo motivo que, pode deixar um IPO menos atrativo é falta de histórico da empresa em Bolsa. Não se enganem, por mais antiga que a empresa seja, ter ações listadas em Bolsa é um ''novo mundo''. A transparência e a cobrança são diferentes, já que agora a empresa possui milhares de sócios, que também querem a sua ''parte do bolo''. Sendo assim, o histórico da empresa fora da Bolsa precisa ser realmente muito bom para justificar uma possível entrada.

Então nunca vale a pena participar de um IPO?

Como vimos acima, o preço e o histórico pesam muito quando fazemos uma recomendação de IPO. Dessa forma, na grande maioria das vezes, ficaremos de fora e não recomendaremos. Em alguns casos, inclusive, já temos empresas na Bolsa que são mais interessantes dos que as que estão fazendo IPO. No caso da C&A, por exemplo, temos as concorrentes Lojas Renner (a top do setor) e Guararapes/Riachuelo (a ação mais descontada do setor).

Isso não impede, claro, que façamos o acompanhamento das empresas e que no futuro as recomendemos.

Nos últimos anos, porém, tivemos alguns exemplos de empresas que tiveram sucesso em suas ofertas e que traziam boa segurança para o investidor. Um desses casos, foi o IRB Brasil (IRBR3), uma empresa com um histórico fantástico (fora da Bolsa), com uma estrutura enxuta, crescimento agressivo, sendo a empresa de resseguros mais rentável do mundo.

A oportunidade em IRB era tão fantástica que, além de recomendar o ativo na Oferta Pública, ainda incluímos na nossa Carteira Dividendos. Caso queira saber mais a respeito dessa recomendação, clique aqui. 

Ou seja, mesmo que raras, podem aparecer boas oportunidades em IPOs. Basta aguardar.

Quer receber as melhores recomendações de ações para montar sua carteira de longo prazo?

Conheça o Invista em Ações. O guia que vai te ajudar a construir e diversificar seu patrimônio. Receba análises e recomendações para a montagem da sua carteira de ações e conheça os ativos que podem trazer altos retornos em longo prazo. Acompanhe a nossa recomendação de diferentes Carteiras e invista com o suporte e acompanhamento da melhor equipe de analistas do mercado.

Acesse agora nossas recomendações de diferentes Carteiras 

Carteira Dividendos

Carteira Crescimento

Carteira Top Recomendadas

 Carteira Small Caps

Conheça o Full Trader e receba análises e recomendações de curto e médio prazos na Bolsa de Valores

Full Trader é o produto mais completo do mercado para suas operações na Bolsa de Valores. Adquirindo, você recebe:

  • Recomendações de compra e venda de ativos acompanhadas pelo nosso time de analistas via app, WhatsApp e Painel do Trader;
  • Acesso ao nosso pregão ao vivo;
  • Contato direto com nossos analistas via WhatsApp;
  • Recomendações e análises em tempo real de operações Day Trade, Swing Trade e Position Trade em Ações, Rastreador de Tendências (Estratégia Exclusiva), Índice Futuro e Dólar, Opções, Long&Short, Termo e Aluguel de Ações, Boi Gordo e Milho Futuro;
  • Acesso ao produto Invista em Ações.

Acesse agora as mais diferentes recomendações

Day Trade

Swing Trade e Position Trade em Ações

Rastreador de Tendências (estratégia exclusiva)

Índice Futuro e Dólar

Opções

Long&Short

Termo e Aluguel de Ações, Boi Gordo e Milho Futuro

___

Analistas Responsáveis

Danillo Sinigaglia Xavier Fratta, CNPI-T EM-1795

Daniel Karpouzas Barcellos, CNPI EM-1855

___

Fonte: Valor, InfoMoney, Quantum, Estadão, Broadcast, Folha, Exame, B3, MoneyTimes.

Importante: leia nosso Disclosure antes de investir.

Capitalizo análises e recomendações de investimentos.

Quer ficar por dentro das novidades do mercado financeiro? Conheça o nosso Canal no Youtube e inscreva-se.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Capitalizo Consultoria Financeira – CNPJ: 27.253.377/0001-09 
© 2019 – Todos os Direitos Reservados.

Desenvolvido por: Vezy

Receba nossos relatórios Grátis